sábado, 22 de junho de 2013

Deus é minha força...

Hoje completo 33 semanas de gestação

A Julia está super agitada pensamos que ela ia nascer na quinta-feira.

Meu marido chegou em casa cedo muito estranho pensei que ele estava passando mal, depois de um tempo me falou que Deus tinha levado meu primo.

Foi um choque, perdi o ar achei que fosse desmaiar quando ouvi ele falando amor, pensa na nossa filha, coloquei a mão na minha barriga e pedi forças a Deus...

Somente Jesus podia me ajudar nessa hora, o Cláudio ligou para o meu médico e como era de se esperar eu não podia tomar nada para me acalmar, fiz uma inalação e trabalhava a minha mente me controlando pensando na bebê que a essas horas revirava dentro da minha barriga de um jeito que ela nunca tinha feito.

O Cláudio colocou um louvor e começou a passar a mão na minha barriga, conversando com a Julia e eu senti a mão de Deus me tocando e acalmando meu coração.

Tive uma dores fortes nas costas e barriga fomos fazer um ultrassom e o médico falou que ela estava bem a agitação era devido ao susto.

Nunca vamos entender o modo de Deus agir, mais sei que não posso ser egoísta, meu primo tinha 26 anos muito jovem mais chegou a hora, que descanse em paz ao lado da sua mãezinha.

A cada dia que passa eu valorizo mais as pessoas que amo, família e amigos isso é o que realmente importa, porque quando partimos deste mundo não levamos NADA.

Temos que aproveitar cada momento especial que temos, não vale a pena guardar magoa ressentimentos ficar alimentando tristeza e rancor.

Todo mundo erra, se irrita, briga, fala besteira, família é assim o importante é o amor que sentimos uns pelos outros, devemos valorizar muuuito nossos pais com todos os defeitos são nossos pais que nos acompanham e cuidam de nós desde sempre, tentando fazer o melhor mesmo nos entristecendo as vezes mais filho não vem com manual, tudo que eles fazem ou fizeram é tentando nos proteger e cada um tem sua forma de amar.
Irmãos, primos, amigos as pessoas que se importam conosco tem o nosso sangue fazem parte da nossa história, e aquelas pessoas que não são da família mais são até mais chegados, que nos dizem a verdade e não aquilo que queremos ouvir.

Família deve estar unida acima de tudo! Não importa o que aconteça devemos nos perdoar e nos AMAR  nenhuma mágoa ou ressentimento pode ser maior que o amor familiar. Porque não sabemos quando será o último dia que TEREMOS as pessoas que amamos por perto.


Qualquer individuo que alimenta a divisão de uma família dará conta a Deus, porque hoje como mãe e (olha que minha filha ainda não nasceu) eu sei o quanto amamos um filho que geramos imagina quando nasce e vemos seu rostinho e sabemos que é um pedaço nosso crescendo a cada dia.

Eu acho que só entendemos o amor de um pai e uma mãe quando temos filhos, se você teve um pai e uma mãe que acompanhou a sua vida se preocupou com você e sabe-se lá quantas noites de sono perdeu quando você ainda era um bebê ame, valorize, respeite.

É um pecado de morte ter mágoa de nosso pais, e olha que eu já passei por situações difíceis eu falo porque eu sei que se temos obrigação, isso mesmo OBRIGAÇÃO de perdoar nossos inimigos imagina nossos pais, irmãos e familiares.
Qualquer ser humano com o mínimo de raciocínio e temor a Deus faz o que esta ao seu alcance para unir uma família e jamais alimenta a discórdia...



1 comentários:

Rose Cris disse...

Olá, bom dia.
Vim conhecer ser cantinho e é muito fofo!

Sinto muito pelo seu primo, mas acredito que temos uma hra certa pra chamada d Deus. Apesar de não aceitarmos, pq queremos quem amamos ao nosso lado.

Que Deus continue abençoando sua gestação!

Beijocas!
Rose

http://sonhofilho.blogspot.com.br

Postar um comentário

Amigas